EPM e CIJ realizarão o seminário sobre a evolução do depoimento especial

Inscrições estão abertas até 13 de outubro.

 

No dia 17 de outubro, será realizado o seminário A evolução do depoimento especial no Brasil, promovido em parceria com a Coordenadoria da Infância e da Juventude (CIJ) do TJSP. O evento acontecerá das 10h às 12h30, no auditório do Gade 23 de Maio (Rua Conde de Sarzedas, 38).

 

As inscrições são gratuitas e abertas a magistrados e servidores do Tribunal de Justiça, promotores de Justiça e servidores do Ministério Público, defensores públicos e servidores da Defensoria Pública, integrantes e servidores das secretarias estaduais e municipais, advogados, delegados, assistentes sociais e psicólogos, profissionais da Rede de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente e demais interessados.

 

Inscrições: podem ser feitas até o dia 13 de outubro (ou até o preenchimento das vagas). O interessado deverá acessar a área Inscrições do site da EPM, preencher o campo CPF e escolher o curso. Magistrados e funcionários do TJSP deverão preencher login e senha do correio eletrônico e seguir as instruções. Alunos e ex-alunos da EPM sem vínculo com o TJSP deverão preencher usuário e senha de acesso à “Sala de alunos”, conferir os dados e, se for o caso, atualizá-los. Os demais interessados deverão preencher a ficha completa. Em seguida, deverá ser selecionada a modalidade desejada (não será permitida alteração da modalidade escolhida (presencial ou a distância) após o envio da ficha de inscrição). Após o envio da ficha, oportunamente, será remetido e-mail confirmando a inscrição.

 

Os matriculados na modalidade a distância deverão aguardar o login e a senha de acesso às aulas, que serão enviados para o e-mail informado na ficha de inscrição até o dia 16 de outubro.

 

São oferecidas 120 vagas presenciais e 600 vagas para a modalidade a distância. Haverá emissão de certificado de participação aos inscritos que registrarem presença (para isso o aluno da modalidade a distância deve assistir integralmente à aula em até cinco dias do início da transmissão e na modalidade presencial deve assinar a lista de presença).

 

Confira outras informações no edital.

 

Programa:

 

10h – Abertura

Francisco Eduardo Loureiro desembargador diretor da EPM

Eduardo Cortez de Freitas Gouvêa – desembargador coordenador da CIJ

Antonio Carlos Malheiros – desembargador integrante consultor da CIJ

Paulo Roberto Fadigas Cesar – juiz da Vara da Infância e da Juventude do Foro Regional VI – Penha de França e integrante da CIJ

Iberê de Castro Dias – juiz assessor da Corregedoria Geral da Justiça e integrante da CIJ

 

10h20 – Exposições

Itamar Batista Gonçalves – pós-graduado em Violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes e bacharel em Geografia pela Universidade de São Paulo (USP); Gerente de Advocacy na Childhood Brasil desde 2007; responsável pela coordenação da pesquisa “Depoimento sem medo (?): culturas e práticas não revitimizantes”; coautoria das publicações “Escuta de crianças e adolescentes em situação de violência sexual – aspectos teóricos e metodológicos” e “Crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência sexual – metodol­ogias para tomada de depoimento especial”.

 

Irene Pires Antonio – psicóloga com formação em Psicanálise e aperfeiçoamento em Psicoterapia e Profilaxia em Violência Doméstica, pelo Instituto Sedes Sapientiae; docente do Instituto Sedes Sapientiae no curso sobre Violência Doméstica no período 1997-2017; psicoterapeuta de crianças, adolescentes e seus responsáveis, bem como de agressores sexuais, no mesmo Instituto, como membro do Centro de Referência às Vítimas de Violência no período 1997-2007; autora de capítulos dos livros O fim do silêncio familiar e A violação de direitos de crianças e adolescentes: perspectivas de enfrentamento; há 12 anos atua como psicóloga judiciária, supervisora do Serviço de Depoimento Especial da CIJ e responsável pela capacitação e supervisão de assistentes sociais e psicólogos judiciários, bem como participa de capacitações na modalidade interdisciplinar de magistrados.

 

Daniel Issler – juiz titular da Vara da Infância e da Juventude, Atos Infracionais e Medidas Socioeducativas de Guarulhos e integrante orientador do Depoimento Especial.

 

12h – Perguntas, debates e encerramento

 

Mais informações: Coordenadoria da Infância e da Juventude do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, por intermédio da DAIJ 2.3 – Serviço de Eventos e Integração – daij2.3@tjsp.jus.br. Telefones: 2171-4801 e 2171-6425.

 

LS (arte)