EPM realizará o curso ‘Mulheres em uma cidade sustentável’

Inscrições estão abertas até 5 de novembro.

 

De 12 de novembro a 10 de dezembro, será promovido o curso Mulheres em uma cidade sustentável da EPM, sob a coordenação da desembargadora Angélica de Maria Mello de Almeida, coordenadora da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Comesp); das juízas Rafaela Caldeira Gonçalves e Teresa Cristina Cabral Santana, integrantes da Comesp; e da advogada Claudia Patrícia de Luna, conselheira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB SP).

 

As aulas serão ministradas das 10 às 12 horas, na modalidade a distância, com acesso na Central de vídeos do site da Escola. A participação é gratuita e aberta a magistrados, promotores de Justiça, defensores públicos, advogados, servidores das instituições e demais pessoas que compõem a rede de atendimento e proteção.

 

São oferecidas 500 vagas. Haverá emissão de certificado de conclusão de curso àqueles que tiverem 75% de frequência (para registrar presença, o aluno deve assistir integralmente à aula em até cinco dias corridos, a contar do envio do comunicado de que aula está disponível na Central de vídeos).

 

Inscrições: estão abertas até o dia 5 de novembro (ou até o preenchimento das vagas). O interessado deverá acessar a área Inscrições do site da EPM, clicar no nome do curso e em seguida em “Realizar login”. Magistrados e funcionários do TJSP deverão clicar no ícone “Entrar com @tjsp.jus.br”, preencher e-mail e senha do correio eletrônico e seguir as instruções indicadas. Os demais interessados deverão clicar em “Inscreva-se agora” para criar sua conta de usuário e senha. Após realizarem o login, deverão selecionar a modalidade e clicar em “Inscrever-se”. A seguir, deverão preencher as informações seguindo as instruções apresentadas e confirmar a inscrição. Oportunamente, será remetido e-mail confirmando a inscrição.

 

Deve ser preenchido o nome completo na ficha de inscrição, conforme documento de identificação, que constará no relatório de frequência on-line e na certificação. Os inscritos serão matriculados automaticamente, não havendo necessidade de envio de documentação.

 

Mais informações no edital.

 

Programa:

 

12/11 – Segurança pública

Samira Bueno – diretora-executiva do Fórum Brasileiro de Segurança Pública

 

19/11 – Habitação

Mariana Chiesa Gouveia Nascimento – vice-presidente da Comissão Especial de Urbanismo da OAB SP

 

26/11 – Educação e cultura

Marcia Lima – professora do Departamento de Sociologia da Universidade de São Paulo

 

3/12 – Saúde

Ana Flavia D’Oliveira – professora da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

 

10/12 – Arquitetura e Urbanismo

Gabriela Leandro – professora da Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia

 

MA (texto) / LS (arte)