Implementação da política antimanicomial no estado será discutida na EPM

Inscrições podem ser feitas até o dia 20.
 
A EPM promoverá no dia 22 de maio o seminário Reflexões sobre a implementação da política antimanicomial no estado de São Paulo, sob a coordenação do desembargador Gilberto Leme Marcos Garcia, supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário (GMF) do Tribunal de Justiça de São Paulo, e da juíza Camila de Jesus Mello Gonçalves. 
 
O evento será realizado no auditório do andar térreo (piso Consolação) e de maneira on-line (Teams), das 19 às 22 horas. O objetivo é apresentar o histórico e os objetivos da política antimanicomial e, com base na Resolução nº 487/2023 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), debater as dificuldades e buscar soluções para sua implementação.
 
A participação é gratuita e aberta a todos os interessados. São oferecidas 245 vagas presenciais e 700 vagas a distância. Serão emitidos certificados àqueles que registrarem frequência. Para isso, o aluno da modalidade a distância deverá acessar integralmente a aula, ao vivo ou em até cinco dias corridos após a disponibilização da da gravação na Central de vídeos.
 
As inscrições estão abertas até o dia 20 de maio. Os inscritos serão matriculados automaticamente, respeitado o número de vagas. Mais informações no edital.
 
Programa:
 
19h – Abertura
Des. Gilberto Leme Marcos Garcia
Juíza Camila de Jesus Mello Gonçalves
 
19h20 – Desinstitucionalização em saúde mental no Brasil: desafios históricos
Profa. Ana Terra de Leon da Silva 
 
19h40 – Desinstitucionalização no estado de São Paulo. Histórico e objetivos de mudança de modelo de atenção
Procuradora da República Lisiane Cristina Braecher
 
20h – Desafios na desinstitucionalização de pacientes em medida de segurança
Psicóloga Luciana Corradine Nabas Candotta
 
20h20 – Intervalo
 
20h40 – O sistema interamericano de direitos humanos e a política antimanicomial
Juíza Camila de Jesus Mello Gonçalves
 
21h – Extinção dos hospitais de custódia
Psiquiatra Breno Montanari Ramos
 
MA (texto) / LS (arte)


O Tribunal de Justiça de São Paulo utiliza cookies, armazenados apenas em caráter temporário, a fim de obter estatísticas para aprimorar a experiência do usuário. A navegação no portal implica concordância com esse procedimento, em linha com a Política de Privacidade e Proteção de Dados Pessoais do TJSP